Responsabilidade Social e blogagem coletiva

segunda-feira, 15 de setembro de 2008

Responsabilidade SocialAs empresas estão cada dia mais preocupadas com um termo chamado: Responsabilidade Social. E por quê?

Hoje em dia, muito se fala da destruição de nossas florestas, da escassez dos recursos naturais, da miséria que apavora não só o nosso país mas o mundo em geral, da poluição de matas, do ar, de rios, vales, mares e mananciais. Os ativistas ganharam força e as ondas de protestos aumentaram. Toda esta questão de preocupação com o meio ambiente fez as empresas reorganizarem seus métodos de produção. Começaram a utilizar produtos reciclados ou renováveis, e a
utilizar métodos para evitar brigas judiciais com órgãos como o Ibama.

Atualmente, uma empresa voltada para o social pode utilizar esta informação como marketing para alavancar o seu negócio. Um exemplo do que digo é a empresa Faber Castell que produz toda a madeira de que necessita para seus lápis de cor. Eles utilizam 100% da madeira plantada em suas fábricas não precisando, com isso, atacar as florestas existentes. A Faber Castell, com toda a sua política ecológica, conseguiu um diferencial importante e se destaca por ser uma empresa correta com o meio-ambiente mantendo, inclusive, diversos projetos neste sentido. Eles possuem também, uma estação de tratamento de água para purificar toda a água utilizada no processo de fabricação de lápis de cor antes de devolvê-la ao ambiente. Com tudo isto, a empresa, adquiriu o importante certificad
o ISO14001 (controla e melhora o desempenho ambiental de sua companhia). Para falar mais de ISO, deixo por conta do amigo Ronaldo do Qualiblog. E Responsabilidade Social? O que é? No âmbito empresarial diz-se que:
Responsabilidade Social Empresarial é a forma de gestão ética e transparente que tem a organização com suas partes interessadas, de modo a minimizar seus impactos negativos no meio ambiente e na comunidade. Ser ético e transparente quer dizer conhecer e considerar suas partes interessadas objetivando um canal de diálogo.
Estou contando uma historinha e você vai me fazer aquela mesma pergunta: o que eu, blogueiro, tenho com isto? Ora... Este termo, no meio bloguístico, mudou de nome mas o significado é o mesmo. Alguém já ouviu falar de Blogagem Coletiva?? Ahá! Pois então: Responsabilidade Social está para Blogagem coletiva, assim como, blogagem coletiva está para blogueiro. Retomando a definição de responsabilidade social, existem dois termos importantes e anteriormente mencionados aqui em outro artigo - ética e transparência. Para o blogueiro ter consciência social, ele precisa antes ser ético e transparente. A blogagem coletiva, em geral, aborda assuntos de interesse nacional. Assuntos polêmicos como: drogas, violência, poluição, analfabetismo, miséria, plágio...

Esta é a forma que o blogueiro possui de se expressar e mostrar sua indignação com algo. De mostrar que se importa, que quer justiça, que está fazendo algo, arregaçando as mangas e tentando conscientizar outras pessoas. Um blogueiro pode ir até mais além e arrecadar fundos para aquele movimento, arrecadar doações, e tentar implementar melhorias. Esta é a forma escrita que o blogueiro possui para demonstrar responsabilidade social.

Tudo muito lindo, mas o iniciante deve tomar cuidado com as blogagens coletivas. Por quê? Infelizmente, vivemos em uma blogosfera em que n
Sustentabilidadeem todos são transparentes, nem todos possuem o sentimento de ajuda dentro do peito e o gesto de blogagem coletiva partido de um iniciante, pode ser visto como uma tentantiva de se alavancar através de links dos participantes da blogagem. Isto tudo por que, um blogueiro que cria uma blogagem coletiva e convida outros a participarem, sem dúvida será mencionado por sua atitude no blog dos participantes e, por conseguinte, irá linkar todos os que estão participando também. A blogagem coletiva acaba sendo, em segunda instância, uma enorme troca de links entre as pessoas e isto também é bom pois aumenta o pagerank dos blogs e diminui o rank do Blogblogs. Não pensem que no mundo empresarial é diferente. As empresas também utilizam o seu marketing social para alavancar suas vendas, isto é normal. Sabe qual é o slogan da Faber? "Faber Castell. As cores do bem" (Seria porque eles são ecologicamente corretos e buscam sustentabilidade?). Está vendo só! As empresas também obtém lucros com suas ações de responsabilidade social.

O blogueiro iniciante que desejar demonstrar responsabilidade social dentro de seu blog, deve então, participar de blogagens promovidas por outros blogs. Evite em primeiro momento, ser o precursor de uma blogagem pois com certeza, você irá ter aborrecimentos desnecessários. Agora, se quiser arriscar, arrisque! Eu nunca vi e nunca verei uma blogagem como um disfarce para alavancar blogs do mesmo jeito, que não vejo os mimos e memes assim.

Logo assim que comecei a blogar, participei de uma blogagem contra o plágio e que criou uma polêmica enorme. Boatos rondavam a blogosfera de que o blogueiro em questão havia roubado a idéia de outro e etc... Como já disse aqui, eu nunca me pronunciei sobre o assunto pois, se não for para defender, eu também não ataco. Hoje, achei conveniente abordar este fato: plágio é uma contravenção ética. Não é e nunca foi idéia de ninguém. É crime e está na lei. Qualquer um tem o direito de se demonstrar indignado e fazer quantas blogagens quiser sobre o tema. Esta é e sempre foi minha opinião. Por isto, ao abordar a questão da Responsabilidade Social, não podia deixar de falar sobre isto. Ao blogueiro iniciante: tome cuidado para não arrumar polêmica com pessoas que não conhecem nem o significado do termo plágio e que tão pouco , estão preocupadas com o termo responsabilidade social e que só vão olhar para você como uma pessoa interessada em crescer posições rapidamente.

Quando quero protestar contra algo, não escolho a blogagem. Escrevo um artigo em meu blog e pronto. Acho linda a iniciativa de pessoas que criam blogagens coletivas. Participo de quase todas mas nunca criei uma blogagem própria. Prefiro participar das existentes e me engajar em lutas já lançadas até por que, o blogueiro tem três formas de expressar responsabilidade social: criando blogagens coletivas, participando de blogagens coletivas ou escrevendo artigos de relevância. Eu escolhi minha forma, escolha a sua. Boa blogagem a todos! :D



Consultas: Wikipédia
Imagens: Google Search






FeedGostou do artigo? Assine nosso Feed e saiba tudo o que acontece no Super DicaSSS!!!

5 comentários:

Cirilo Veloso Moraes disse...

Acho válidas as blogagens coletivas - pelo menos no mais das vezes. Nem sempre participo, mas gosto da idéia de unir-se por um objetivo comum. De qualquer forma, sempre digo: Quer melhorar o mundo? Comece por melhorar a si mesmo. Muito mais eficaz.

Abraços.

Cirilo Veloso Moraes disse...

Teve uma ontem que não participei: justiça para flávia. Mas por que para flávia? Não seria melhor clamar por justiça para todos? Justiça para uma pessoa só é o que os clientes chegam procurando aqui no escritório - de advocacia. Penso humildemente que blogagens coletivas deveriam ser para o bem da coletividade, do bem comum, não para salvaguardar interesses de uma ou outra pessoa. Claro que torço para que o caso da flávia seja resolvido, que a justiça aconteça também para ela, mas não blogaria em defesa dela.

Abraços.

Jaqueline Amorim disse...

Olá Cirilo, obrigada por comentar... Existem muitas pessoas mesquinhas que não entendem a grandiosidade de um blogagem coletiva (é por isso que não faço minhas próprias blogagens). Temos um instrumento poderoso em nossas mãos, se todos soubermos usar este instrumento, uma voz se levantará em prol da conscientização. Quem vc conhece hoje em dia e que não acessa a internet? A maioria das pessoas navega no mundo virtual. Estou preparando o meu texto e em breve vou publicá-lo aqui. O caso da Flávia é específico e se for feita a justiça que esta pobre menina merece, outras crianças podem sair privilegiadas com a melhoria deste serviço. Talvez, fazendo-se justiça a ela outros casos como esse, não ocorram mais. Visite o blog da mãe de Flávia e leia um pouco da história, se mudar de idéia, participe tb... Segue o link: http://flaviavivendoemcoma.blogspot.com/

Obrigada pelo feedback! Fique com Deus e tenha uma excelente semana! Volte sempre! :)

Giovanni disse...

Grande Jaqueline!

Já estava com saudades de passar por aqui e deixar um comentário ...

Em primeiro lugar, parabéns pelo novo visual. Ficou muito melhor que o anterior.

Além disso, parabéns pela série que está escrevendo. Adoro as suas analogias entre blog e empresa.

Eu possuo uma empresa e possuo um blog, e no entanto, eu ainda não tinha parado para pensar que ambos têm tanto em comum. Pena que a empresa não tem tanto sucesso quanto o blog, mas essa é outra coisa, rss.

Bem, é isso, meus parabéns por mais este belíssimo artigo.

Beijos e boa semana.

Jaqueline Amorim disse...

Oi Giovanni! Que prazer recebê-lo em meus comentários! Fico feliz que esteja gostando da série. A empresa, com dedicação você levanta!Beijos e volte sempre! Obrigada pelo carinho...

Postar um comentário

Oi obrigada por comentar! Assim que possível responderei você aqui no blog! Volte sempre! :)

Lomadee, uma nova espécie na web. A maior plataforma de afiliados da América Latina
 

  ©Template 'Super DicaSSS' by Jaqueline Amorim - 2010

TOPO